ENCONTROS DISCUTEM ESTRATÉGIAS PARA DEFESA DE TERRITÓRIOS CAMPONESES EM CAMPO ALEGRE DE LOURDES




 O fortalecimento das organizações comunitárias de fundo de pasto tem sido o mote de uma série de encontros em comunidades rurais do município de Campo Alegre de Lourdes. Os momentos de troca de informações com famílias camponesas sobre suas maneiras de organizar a defesa do seu território iniciaram nesta segunda, dia 29, e seguem até o final da tarde de hoje.  

Mais de 35 comunidades rurais de Campo Alegre foram envolvidas nas rodas de conversa, que ocorreram em 8 localidades diferentes. Ao todo, cerca de 240 camponeses e camponesas participaram dos encontros. Também foi assunto dos debates  os impactos socioambientais da extração de minérios no município, bem como as estratégias para que os jovens camponeses possam gerar trabalho e renda de maneira sustentável em suas terras,  a partir das potencialidades produtivas do bioma caatinga, como a criação de caprinos, produção de mel e agregação de valor aos frutos nativos, como o umbu, entre outras. 

Os encontros foram organizados pela paróquia Nossa Senhora de Lourdes, em parceira com a Comissão Pastoral da Terra e o Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada.





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Centenas de famílias estão na rua após despejos violentos em acampamentos do MST

Mineração: uso de explosivos aterroriza comunidade de Angico dos Dias

XII Encontrão de Jovens de Campo Alegre de Lourdes