QUARTA ETAPA DA ESCOLA DA JUVENTUDE RURAL DISCUTE RELAÇÕES DE GÊNERO EM CAMPO ALEGRE



As relações entre homens e mulheres, que são organizadas pelo convívio social foi o tema da quarta etapa da Escola de Formação da Juventude Rural, em Campo Alegre de Lourdes, Diocese de Juazeiro, entre os dias 31 de outubro e 1 de novembro. 

A oficina aconteceu na casa paroquial. A primeira atividade foi um momento celebrativo coordenado pelo Pe Bernando Hanke.  Em seguida, a engenheira agrônoma especialista em relações de gênero Elizabeth Siqueira conduziu a formação que contou com a presença de quase 40 participantes.

Ao longo dos trabalhos,  os/as jovens discutiram questões como o preconceito de gênero e a violência contra as mulheres. 

 
Cleiane, da Lagoa do Sal,  fez uma avaliação positiva da oficina. "Eu gostei da atividade porque pudemos diferenciar o que é gênero, que tem mais a ver com uma construção social e coletiva, de sexo, que é algo biológico".  

Além das relações de gênero, os/as participantes já discutiram a influência da comunicação na sociedade, cultura e organização social.   

As atividades da Escola de Formação da Juventude Rural  já aconteceram também nos municípios de Casa Nova e Remanso. Ao todo, mais de cem jovens já participaram das oficinas.  A Comissão Pastoral da Terra, com organizações parceiras como o Sasop e o STR de Remanso, e paróquias locais, são as organizadoras da formação





 

  




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

“Nós vamos ficar com a morte e a doença”: Em Sento Sé (BA), comunidades ribeirinhas temem empreendimento de mineração

Centenas de famílias estão na rua após despejos violentos em acampamentos do MST

Mineração: uso de explosivos aterroriza comunidade de Angico dos Dias