MAIS DE CEM PESSOAS PARTICIPAM DA SEMANA SOCIAL DE JUAZEIRO



Mais de 100 pessoas de nove municípios  da região  participaram da 3º Semana Social Diocesana de Juazeiro entre os dias seis e sete,  no colégio Paulo VI em Juazeiro.  O evento terminou com a formação de um grupo que ficará responsável pelo encaminhamento das propostas discutidas durante as atividades.  O coletivo foi composto por estudantes, representantes de organizações populares e pastorais, e deve se reunir no dia 20 de abril, no Brasinha, às 10 horas. 

Dentre as propostas discutidas e apresentadas na Semana Social, estão a capacitação das comunidades para elaboração de projetos comunitários, a articulação de estratégias que promovam a autonomia dos movimentos sociais, a cobrança da verba para o fomento a cultura do município, a não redução da maioridade penal, e a garantia do serviço de saneamento básico a todos os bairros de Juazeiro. 

A 3ª Semana Social Diocesana de Juazeiro  discutiu o Estado e o papel da sociedade na sua democratização.  

O debate sobre a organização da nação brasileira foi realizado pela professora da Universidade Federal da Bahia, Sara Cortes, e pelo Agente da Comissão Pastoral da Terra, Roberto Malvezzi. Cortes criticou o estado atual e programas de distribuição de renda como o Bolsa Família, que segundo ela “deixam a população mais vulnerável ao Estado”.

Além das palestras, oficinas sobre Convivência com o Semiárido, Comunicação e Cultura,Violência e extermínio da Juventude, Movimentos Sociais e Estado, Saneamento Básico e Comunidades Tradicionais também foram oferecidas durante o fim de semana.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Centenas de famílias estão na rua após despejos violentos em acampamentos do MST

Mineração: uso de explosivos aterroriza comunidade de Angico dos Dias

XII Encontrão de Jovens de Campo Alegre de Lourdes