A Voz do Velho Chico aborda ocupação da Ilha do Fogo pelo Exército Brasileiro




Neste domingo, o programa  A Voz do Velho  Chico aborda a polêmica ocupação da Ilha do Fogo pelo  Exército Brasileiro. A ilha está localizada entre Juazeiro e Petrolina e há quase 50 anos é um território pesqueiro.Mais de 40 famílias dependem do espaço para sobreviver. O comando militar deu até o próximo  dia cinco para que os trabalhadores saiam do local.  A entrada do Exército aconteceu em 3 de setembro de 2012.

Além de fonte de renda, a Ilha do Fogo é considerada como um patrimônio cultura para baianos e pernambucanos. Reza  a lenda que uma enorme serpente está presa embaixo da  ilha por um fio de cabelo de Nossa Senhora das Grotas, padroeira de Juazeiro. Se o cabelo se partir,  as cidades irmãs serão inundadas pelas águas do São Francisco. 

Os entrevistados Jucinei Martins, do Coletivo Amigos da Ilha do Fogo, e Cícero Fêlix, da Articulação Popular São Francisco Vivo, falam sobre as ações para reaver o espaço, e o que pode está por trás da investida militar. 

A Voz do Velho Chico é o programa das Pastorais Sociais da Diocese de Juazeiro. A atração vai ao ar pela rádio Grande Rio AM, de Petrolina,  no domingo 27 às sete da manhã.  Na internet, acompanhe pelo endereço www.granderioam.com.br . 











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Centenas de famílias estão na rua após despejos violentos em acampamentos do MST

Mineração: uso de explosivos aterroriza comunidade de Angico dos Dias

XII Encontrão de Jovens de Campo Alegre de Lourdes